Blog
Faculdades BWS

Síndrome do nevo displásico – Oncologia cutânea

Compartilhe
Compartilhe
Compartilhe
Email

Nevos displásicos são nevos incomuns, que podem inclusive serem confundidos com melanomas devido as suas características, tais como: tamanho, formato irregular e tonalidades diferentes. E, ainda que não sejam melanoma, pessoas que possuem nevos displásicos apresentam 12 vezes mais chances de desenvolver a forma mais agressiva do câncer de pele, apontam pesquisas na área de oncologia cutânea.

Descrita a partir de três elementos, os nevos displásicos são caracterizados pela:
– Presença de 50 ou mais nevos, medindo mais do que 8mm;
– Encontrado em pacientes com antecedentes de melanoma cutâneo, seja em si ou família;
– Nevo com características clínicas atípicas.

Esse tema e outros relacionados a nevos e tumores são discutidos, diagnosticas e tratados em nossa pós-graduação em Oncologia Cutânea, clique e saiba mais.

Últimas
NOTÍCIAS

Sugestão de leitura para esta categoria de notícias:

Dúvidas e mais
INFORMAÇÕES

Entre em contato conosco através dos números abaixo ou do formulário ao lado.

    Nosso site utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com isto. Conheça nossa Política de Privacidade.